sexta-feira, 30 de novembro de 2018

Dicionário Santista



O post de hoje foi pensado justamente em você que não é Santista e acha a nossa maneira de falar engraçada e, no mínimo, curiosa. Cheios de gírias, nós Santistas temos o nosso próprio dicionário, com palavras engraçadas mas que usamos no dia a dia com a maior naturalidade. Venha conferir e descobrir um pouco mais sobre o nosso jeito Santista de ser.

1. Bagulho: Bagulho serve para qualquer coisa. Por exemplo: "Tu trouxe aquele bagulho que eu te pedi?"

2. Bolar Aula: Faltar na aula para ir para a praia, por exemplo.

3. Canal: Aqui nós dividimos a cidade por canais e, isso se torna a referência de onde nós moramos. Se te perguntam onde você mora, aposto que você disse, primeiramente, o canal e depois o bairro. 

4.Cabuloso: Agora está sendo bem menos falado mas houve uma época que era bastante ouvido entre os adolescentes. Cabuloso pode ser algo assustador ou até muito legal, isso depende também da entonação e onde está sendo aplicado.

5.Classe A: Outra gíria que usávamos muito, e se refere a algo muito bom, muito legal.

6. Colante: Quem nunca pediu dinheiro para comprar colante (adesivo)?

7. Dois palitos: Se refere a algo rápido, fácil. Ex: Vai demorar dois palitos!

8. Do Doce: Quem lembra dessa gíria? Se referia a tudo que era genérico ou sem nenhuma qualidade. 

9. Errorex: Aqui nós pedimos o corretivo (o branquinho) dessa forma. 

10. Baciado: Aquilo que todo mundo tem, a famosa "modinha".

11. Cidade: O famoso Centro de Santos era chamado de "Cidade", esse modo de falar ainda é bem usado pelos mais velhos.

12. Mgrela: Um dos meios de transporte mais utilizado aqui na Baixada Santista, a bicicleta.


13. Cará: Nosso pãozinho amanteigado/adocicado de cada dia!



Bom, espero que tenham gostado de saber um pouco mais sobre o nosso dicionário Santista. Até o próximo post!

Fonte: